ArgCast #101 – Orgulho da Prateleira 2

ArgCast #101 – Orgulho da Prateleira 2

E aí, Argonautas! Atendendo à pedidos, o ArgCast mais uma vez reúne seus amigos para relembrar mais ORGULHOS DA PRATELEIRA em suas coleções! Aquelas revistas em quadrinhos que foram difíceis de conseguir, com histórias marcantes, causos inusitados, tramas inesquecíveis. E nesta PARTE DOIS de nossa série, Daniel HDR recebe os velhos amigos argonautas Rogério DeSouza e Ivomar “Hell” (site[…]

Areia Hostil ganha blog

O “Areia Hostil” foi um importante prozine (revista independente com postura profissional) de histórias em quadrinhos nacionais editado por Lorde Lobo, entre os anos de 2001 e 2006, tendo sido publicados 15 números. Tendo iniciando de forma bastante simples, publicando apenas artistas da cidade do Rio Grande / RS, a produção foi, aos poucos, ganhando[…]

ArgCast #85 – Vingadores, Aranha e o legado dos criadores

Neste episódio de news , o ArgCast apresenta comentários dos assuntos da semana: O trailer (?) / comercial (?) do filme dos Vingadores (exibido no Super-Bowl), o novo trailer do filme Amazing Spider-Man, e, em meio às notícias sobre o processo da Disney/Marvel sobre o desenhista Gary Friedrich, os falecimentos de Al Rio, entre outros, e[…]

Ledd: hq online do Universo Tormenta

Ledd é uma nova série em quadrinhos mensal baseada no mundo de RPG Tormenta, com roteiro de J.M. Trevisan (Tormenta, Dragão Brasil, revista Rolling Stone Brasil) e arte de Lobo Borges. Inspirada nos mangás de aventura e nos RPGs, a história mostra a jornada do personagem-título buscando pelo próprio passado e por respostas às suas origens. O projeto será[…]

Quadrinhos contra o abuso sexual infantil

Uma das coisas fantásticas que a arte sequencial consegue é abordar de modo inusitado e extremamente eficiente assuntos que por muitas vezes muitos educadores ou estudiosos de outras mídias acham difíceis demais para serem trabalhados dentro das páginas de hq. Pensando assim, muitas vezes subestimam as histórias em quadrinhos. Mas sempre é bom encontrar exemplos[…]

Marvel lança HQ digital do Homem de Ferro

A Marvel Digital Comics Unlimited, serviço de HQs digitais da Marvel, está lançando Iron Man: Hack #1, escrita por Tim Fish e desenhada por Filipe Andrade. A história mostra Tony Stark em uma reunião de antigos colegas de faculdade onde um rancoroso ex-amigo tentará de tudo para triunfar sobre o Homem de Ferro. Para os que não conhecem, o Homem de Ferro,[…]

Zuda Comics fecha website

O site Zuda Comics, portal de quadrinhos online encerrou atividades. Criado em 2007, o site era uma iniciativa da DC Comics, publicava autores independentes, e estes tinham suas séries de webcomics avaliadas por juri popular. Os autores mais votados ganhavam suporte financeiro de produção da editora. A iniciativa da DC em cancelar o site deve-se ao[…]

DC Online supreende logistas e artistas

Conforme anunciado antes, a DC Comics lançou esta semana um aplicativo para o IPad, IPhone e IPod para venda e leitura de seus quadrinhos em parceria com a comiXology. A parceria da editora para disponibilizar seu conteúdo online não se limitou à plataforma da Apple, e estendeu-se à PlayStation Network. Com o preço das revistas online varia de[…]

DC Comics com quadrinhos na Apple

Demorou, mas a casa de Superman, Batman e Mulher Maravilha  não ia deixar passar… Assim como sua concorrente direta, a Marvel Comics, a DC Comics, em parceria com a ComiXology, lançou oficialmente hoje sua loja na Apple Store. O aplicativo desenvolvido pela ComiXology (disponível no Itunes) permite ao usuário do IPad, IPhone e ITouch comprar quadrinhos da editora,[…]

Dark Horse, Toshiba e USAToday em parceria

Uma parceria inusitada foi firmada pela editora independente de quadrinhos Dark Horse Comics, juntamente com a Toshiba e o Jornal USA Today. Anunciada oficialmente pela Dark Horse Press, a parceria envolvera diversos projetos de quadrinhos, que serão publicados exclusivamente pelo USA Today. Todo este material, produzido pela Dark Horse, também sairá em diversas plataformas, e[…]

Quadrinhos jogando na Copa do Mundo 2010

A COPA DOS BLOGS está movimentando diversos blogs de autores de quadrinhos e cartunistas. Idealizada por Cleber B e coordenada por Wesley Samp, os trabalhos dentro do projeto tem uma bola (em imagem padrão) inserida em suas artes. Esta bola, conforme a leitura das hqs, vai passeando pelas tiras dos personagens de cada artista em seus[…]

Jornalismo no Japão investe nos MANGÁS

Para chamar a atenção do público jovem, que não tem muita afinidade com os periódicos (o que é contraditório, pois os jornais diarios s”ao um dos itens mais lidos pela população no país), foi lançado o site Manga No Shimbun, ou Jornal Mangá, onde as notícias mais importantes da semana saem em forma de quadrinhos informativos! formada[…]

Iron Man Anual quer revolucionar venda tradicional de HQs

O futuro dos quadrinhos de papel – e as lojas de quadrinhos onde são vendidos – ficou um pouco mais imprevisível. A Marvel Comics, editora que atualmente detém a maior quota de mercado em lojas de quadrinhos, anunciou que Invincible Iron Man Annual, em uma nova continuidade (iniciada com a conclusão da maxi-saga Siege), terá 80 páginas.[…]

FBI e Editoras de HQ dos EUA contra a Pirataria

Por Erico Assis (Site Omelete) Um consórcio de grandes editoras de quadrinhos do EUA – Marvel Comics, DC Comics, Dark Horse, Bongo, Archie, Conan Properties, Mirage Studios e United Media – abriu uma ação coletiva contra o HTMLComics.com, que oferecia leitura gratuita de mais de 5 mil títulos. O FBI prendeu o administrador do site, Gregory Hart, em Tampa, Flórida, e apreendeu todos os servidores[…]

Marvel Comics na Apple disponível no Mundo

A ComiXology, empresa que vêm adaptando quadrinhos de diversas editoras de dos Estados Unidos para o iPhone, iTouch e recentemente o iPpad, acaba de disponibilizar para seus usuários do mundo todo as versões digitais da Marvel Comics. Há menos de um ano, a Marvel já vinha comercializando seus quadrinhos de catálogo (minisséries, coletâneas e graphic[…]

O IPad e as Historias em Quadrinhos

Reproduzimos aqui parte do artigo publicado pelo jornalista Sergio Codespotti no portal UNIVERSO HQ que faz uma reflexão sobre o recente lançamento da Apple, o IPad, e como ele poderá afetar a industria das Histórias em Quadrinhos. Confira aqui e também visite o site UNIVERSO HQ para o restante da matéria. Qual o impacto que[…]

Scott McLoud cromado!

Como parte da campanha de marketing do Google para a popularização do seu navegador próprio para a web, o CHROME, uma interessantíssima história em quadrinhos online explicativa foi divulgada, feita por SCOTT McLOUD (conhecido autor e pesquisador sobre Arte Seqüencial)! Neste material, ele utiliza de todo seu talento de narrativa em meta-linguagem (que foi brilhantemente[…]

Turma da Mônica Jovem [resenha]

Gosto de quadrinhos desde antes de saber ler. Durante toda a década de oitenta, lia na maioria das vezes Disney, Trapalhões ( da editora Bloch) e principalmente Turma da Mônica.

Como tal, fiquei fã de Maurício de Sousa, seu trabalho e personagens e seguia acompanhando suas histórias mesmo após me interessar por quadrinhos de humor e heróis. Com isso me incentivou a também criar e fazer minhas histórias e meus personagens.

Hoje estou, como qualquer outro quadrinista brasileiro novato, batalhando neste mundo de arte e entretenimento.

Bom, mas chega de conversa fiada, vamos falar do alardeado TURMA da MÔNICA JOVEM. Para mim não é tão difícil aceitar a turminha mais velha, pois era um desejo do meu sub-consciente em vê-los mais velhos com outra temática de história.

Por isso em 1998 criei um fanfiction ( história ficcional de fã ) chamado Menores do Amanhã. Todos que me conhecem, sabem que faço este fan fiction a muito tempo e por causa das pessoas que gostaram da idéia continuo fazendo até hoje e publico as histórias em um blog reservado a eles.

Mônica Mangá e Menores do Amanhã: Arte por Rogerio de Souza

Mônica Mangá e Menores do Amanhã: Arte por Rogerio de Souza

Como podem ver, tenho uma visão pré-concebida do que seria uma Turma da Mônica Jovem.
Se já mandei essas minhas idéias para o Maurício? Tentei, mas não consegui nenhum comentario, infelizmente. Mas deixa pra lá…

Nos últimos anos entrei numa comunidade oficial da Turma da Mônica, no Orkut, onde entravamos em contato com bastidores de produção das histórias. Foi de lá que descobri sobre a troca de editora, dos almanaques inéditos de personagens como Tina e Astronauta. De edições especiais como “Lostinho” ( sátira do seriado Lost ) e Guerra nas Estrelas. De polêmicas como a nova aparência do Rolo e cia, as caretas, etc…

Daí, um certo dia, descobri que iam lançar uma Turma da Mônica Jovem em estilo Mangá. Como diriam no Jovem nerd: MINHA CABEÇA EXPLODIU!!! DUAS VEZES!!!

Eu não sabia o que pensar naquele momento, fiquei apreensivo, pois temia que… Bom… Esperei, apenas isso e aqui estou com um exemplar na mão.

Antes de mais nada, achei a iniciativa muito boa, uma evolução que acho coerente em historinhas que são publicadas a quarenta anos. Retratá-los com o estilo oriental foi uma boa sacada.

Uma coisa é a idéia ser boa, mas na pratica…

A começar, não é necessário falar toda hora que é em estilo mangá. O que interessa é a história, deixem o leitor descobrir o mangá sozinho. O fato de ser mangá não me incomodou nem um pouco gosto do estilo tanto quanto qualquer outro, mas há um excesso de elementos orientais que poderiam até ser desconsiderados em algumas cenas.

A revista em si me surpreendeu pelo numero de páginas e seu formato diferenciado. O fato de ser em preto e branco, também não me incomodou.

A influência do mestre Osamu Tezuka é digno de nota, nas primeiras artes conceituais do projeto achei muito semelhante a revista Witch da Disney italiana, mas no conteúdo da revista a dinâmica da história mostra retículas, caretas e enquadramento bem ao estilo característico que virou mania no mundo inteiro, tirando excessos…

A caracterização dos personagens adolescentes… Ai eles entraram numa área perigosa, mas muitas dessas mudanças eu aceito, afinal eles cresceram. No entanto, algumas coisas poderiam ter sido preservadas ou melhoradas. Magali, por exemplo, poderia continuar com sua gula e misteriosamente se manter magra sem problemas. Mônica podia ser um pouco mais grosseira, principalmente nos diálogos, porém ainda simpática.

“Céuboy” é um nome esquisito pro anjinho, mas como foi comentado pelo roteirista, é uma referência a “Hellboy”, personagem de Mike Mignola. Muitos não gostaram disso e até concordo.

Como disse antes, eu tenho uma visão própria de como seria uma Turma da Mônica adolescente. E fica um pouco esquisito ver aspectos conflitantes com a minha visão. Temos que considerar que essa fase é problemática e amenizar certas características não condiz com o público que querem atingir.

Agora, sobre a história [ atenção! Spoilers!!]

[…]

SAPHIRA

Henrique Bittencourt, aluno cursando atualmente o Nível 3 do Curso Dinamo HQ vem desenvolvendo em aula, além de estudos de narrativa visual e composição de cenas, seu projeto pessoal, intitulado SAPHIRA, que ganha agora sua estréia na primeira edição de seu fanzine, de mesmo nome. Na história, o pequeno vilarejo onde a personagem, ainda bebê,[…]

Insecta Sapiens 1!

Sempre é legal ver o crescimento artístico dos alunos! E quando é acompanhado de coletividade, é melhor ainda! Os alunos Gabriel Kolbe, Krhistian De Leon, Leticia Guedes e Sara Tae (atualmente cursando o Nível 3 do Curso Dinamo HQ) criaram seu selo (Estudio Myrus) e desenvolveram um projeto produzido, neste caso, a 8 mãos! Tendo[…]