ArgCast #191 – Editora Abril

ArgCast #191 – Editora Abril

Fossem as páginas da Playboy, da Quatro Rodas, Set, BIZZ, Super Interessante ou, obviamente, dos quadrinhos que publicou, a EDITORA ABRIL fez parte da formação de gerações de leitores neste país.

Com a recente noticia do fim da linha de quadrinhos Disney pela editora (sendo esta que iniciou a jornada da mesma no país, nos anos 1950), Daniel HDR, Rogério DeSouza, Ivo Kleber, Marcos Dark e André Faccas relembram a emoção que era encontrar nas bancas seus quadrinhos preferidos da Abril, e, respondendo às perguntas dos ouvintes feitas em nosso grupo no Facebook, tentam, entre outras coisas, adivinhar qual será o futuro das HQs Disney no Brasil.

E ainda:
– Como uma carta escrita por um moleque de 9 anos implorando para que seu personagem preferido volte à vida acaba (não) comovendo o coração de um editor;

– Olhar a prateleira de todas as bancas de uma avenida seria um ato compulsivo?

– Entenda as motivações que fazem um garoto querer idolatrar um soldado zumbi que carrega trabucos;

– Como frequentar um boteco que vende quadrinhos pode mudar sua perspectiva sobre alcoolismo;

– A constatação definitiva de que as histórias em quadrinhos da Disney feitas no Brasil eram mais legais que as de fora;

– E se a filha da Xuxa acabar apresentando o ´Disney Sacha´? Será que o Império do Mal de Fátima Bernardes nas manhãs da TV aberta chegará ao fim?

Links citados:
Comunicado aos assinantes da Disney/Abril;
Notícia sobre finanças do Grupo Abril em 2017;
– ArgCasts 150, 166, 169 e 189;

E o Feed do ArgCast? O do ITUNES, como os quadrinhos Disney, está temporariamente suspenso… mas você pode instalar no seu agregador de podcast preferido o que temos pra hoje, que você pode acessado ao clicar no chapéu do Super-Pato.

FACEBOOK, aquela rede social safada…  agora TEM O GRUPO DO ARGCAST! Vai lá!

O grupo do Podcast lá aquele Facebook maldito!

Escute a gente no player abaixo ou em nosso profile do SOUNDCLOUD.

Deixe um comentário

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.